Homenagens à Nossa Senhora Aparecida, a padroeira do Brasil, culminam com celebração nesta quinta
11/10/2017 - 10h59 em Geral

Homenagens à Nossa Senhora Aparecida, a padroeira do Brasil, culminam com celebração nesta quinta

 

Uma das maiores manifestações do catolicismo no Brasil acontece essa semana, atraindo milhares de devotos. As homenagens em louvor aos 300 anos da aparição de Nossa Senhora Aparecida, a padroeira do Brasil, que transcorre no feriado de quinta-feira (12), se intensificam a partir de hoje em Jaraguá do Sul e região.

Na igreja matriz da paróquia que leva o mesmo nome, no bairro Ilha da Figueira, em Jaraguá do Sul, a programação iniciou com as novenas no dia 3. E às 19h30 de hoje acontece a missa festiva em honra à Nossa Senhora, seguida do baile com acesso livre, às 22 horas.

Nesta quinta-feira, os festejos iniciam com a missa, às 7h00, na igreja matriz de São Sebastião, no Centro, seguida da carreata e bênção dos veículos durante o trajeto que conduz a imagem da santa até a igreja Nossa Senhora Aparecida. O cortejo dos fiéis parte da avenida Marechal Deodoro da Fonseca, passa pela rua 25 de Julho e depois pela rua José Theodoro Ribeiro até a sede da paróquia. Lá, às 10h, terá a missa campal e coroação da padroeira. Centenas de pessoas são aguardadas para participarem da demonstração de fé.

Às 11h30 começam as festividades no salão paroquial, que terá serviço de bar a cozinha. Às 15h começa a tarde dançante, com entrada livre e distribuição de guloseimas, com montagem de parquinho, pela comemoração paralela ao Dia das Crianças.

Segundo o pároco da igreja Nossa Senhora Aparecida, Felício Girelli, a expectativa é que a festividade atraia em torno de 5 mil pessoas para a missa. Para garantir a presença dos fiéis mesmo com mau tempo, foram providenciados toldos no entorno do templo e dois telões para transmitir a celebração.

A festividade também visa angariar recursos à reforma da capela e da fachada da igreja, com construção de mesanino, orçada em cerca de R$ 300 mil.

Paróquia São Judas Tadeu

Na Paróquia São Judas Tadeu, no bairro Água Verde, em Jaraguá do Sul, os católicos também reverenciam Nossa Senhora Aparecida a partir das 8h, quando acontece o teatro, dentro da igreja, reproduzindo a história dos pescadores que descobriram a santa mais querida do país. Às 9h será celebrada a missa. A procissão inicia da rua Henrique Nagel e segue pelas ruas Waldemar Dobrawa, Padre Mirandinha, Gilhermino PereiraLima Lenzi, retornando à Henrique Nagel.

Paróquia Senhor Bom Jesus

A igreja matriz Senhor Bom Jesus, na rua 28 de Agosto, no Centro de Guaramirim, celebra Nossa Senhora Aparecida com uma missa, às 7h30 de amanhã. Após, por volta das 8h45, será feita peregrinação até a Comunidade Nossa Senhora Aparecida, no bairro Recanto Feliz. A caminhada inicia em frente à igreja com a imagem da santa, seguindo pela 28 de agosto e BR-280 em direção à rua Cláudio Tomaselli, no Recanto Feliz. Se chover, o mesmo trajeto será feito em carreata.

A descoberta dos pescadores

 

O surgimento da devoção à Nossa Senhora Aparecida começou com os pescadores  Domingos Garcia, Felipe Pedroso e João Alves, que passaram horas no rio Paraíba sem nenhum peixe, até pescarem uma imagem de barro decapitada, e em seguida, a cabeça de Nossa Senhora da Conceição. Minutos depois, o barco ficou carregado de peixes. Décadas depois, a escultura negra de 37 centímetros se tornaria um dos símbolos do país e, já como Nossa Senhora Aparecida, ganharia do papa Pio 11, em 1930, o título de Padroeira do Brasil.

OCP - On Line

COMENTÁRIOS