Jovem achada morta em Joinville é enterrada neste domingo: ‘muito machucada’
25/07/2021 21:12 em Segurança

A DH (Delegacia de Homicídios) de Joinville, no Norte de Santa Catarina, está investigando o caso da mulher de 25 anos encontrada morta em seu apartamento, no bairro Paranaguamirim, zona Sul da cidade, na manhã de sábado (24).

Vanessa de Lima foi achada embaixo da cama, envolvida por um lençol no corpo e em seu pescoço. Um dia antes, o filho dela, de cerca de dois anos, foi encontrando andando sozinho pelas ruas da cidade.

De acordo com o delegado da DH Elieser Bertinotti, agora será instaurado um inquérito policial para dar seguimento às investigações. Não há informações preliminares do que pode ter motivado o assassinato.

A Polícia Civil informou, ainda, que diligências e as perícias necessárias foram realizadas ainda no sábado.

O enterro aconteceu na tarde deste domingo (25) em Campo Alegre, no Planalto Norte do Estado. Por causa das condições do corpo, segundo a família, não houve velório.

“Não teve nem como abrir o caixão. Vimos ela através de um vidro no caixão. Ela foi muito machucada”, comentou a irmã de Vanessa, Marlene Corrêa. A família aguarda os laudos do IML (Instituto Médico Legal) para identificar a causa da morte.

Caso chamou atenção na sexta

O filho de Vanessa, de aproximadamente dois anos, foi encontrado sozinho por volta das 6h desta sexta-feira (23), na região Estevão de Matos, no bairro Paranaguamirim, em Joinville.

Ele foi achado próximo à cozinha comunitária do bairro, vestindo bermuda e regata. Uma moradora abrigou a criança e acionou o Conselho Tutelar, que fez o resgate e acompanha o caso.

A partir desse momento, foi iniciado um mutirão, pelas redes sociais, para encontrar a mãe da criança. Vanessa estava desaparecida e foi achada morta no sábado.

ND

COMENTÁRIOS